A professora Adriane Caetano, de 48 anos, foi encontrada morta com um tiro na cabeça no próprio carro, em Ribeirão Pires, na Região Metropolitana de São Paulo. Ela estava voltando da escola estadual onde dava aula há 10 anos. Segundo a filha, por causa da demora da mãe em voltar para casa, o pai dela e marido da professora tentou ligar diversas vezes no celular da vítima, mas ninguém atendia. Até que um homem atendeu a ligação, disse que Adriana tinha sofrido um acidente de carro e deu o endereço de onde estava. A polícia foi acionada e ao chegar no local constatou que a mulher tinha sido assassinada.

Nosso Whatsapp: https://cidadealerta.r7.com/whatsapp
Inscreva-se no canal Cidade Alerta: http://r7.com/0Fhv
Assista às íntegras no PlayPlus: https://www.playplus.com
Facebook: https://www.facebook.com/CidadeAlertaRecord/
Instagram: https://www.instagram.com/cidadealerta/
Twitter: https://twitter.com/cidadealerta
Site oficial: https://recordtv.r7.com/cidade-alerta

#CidadeAlerta #LuizBacci

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.