A operação da Polícia Federal foi batizada de “Acesso Pago” e investigava os casos de tráfico de influência de corrupção no Ministério da Educação.

O ex-ministro da Educação Milton Ribeiro é investigado por corrupção passiva, prevaricação, advocacia administrativa e tráfico de influência por suposto envolvimento em esquema para liberação de verbas no MEC.

#JTCultura #JornaldaTarde

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.