A vantagem aconteceria num eventual segundo turno entre os dois candidatos. Lula teria 52% contra 35% do atual presidente. O candidato do PT ampliou a vantagem que há 15 dias era de 10 pontos e agora passou para 17 pontos.

Segundo o instituto Poder Data, é a primeira vez em quatro meses de pesquisa que a vantagem cresce acima da margem de erro de dois pontos.

No primeiro turno não houve variação em relação à pesquisa anterior, feita no início do mês. Lula ficaria com 44% e Bolsonaro com 34%. Atrás deles estariam Ciro Gomes, com 6%, André Janones com 2%, Luciano Bivar, José Maria Eymael e Simone Tebet, com 1%. Os demais não pontuaram. Brancos e nulos são 4% e não sabem 5%.

#JTCultura #JornaldaTarde

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.