De acordo com a delegada, a mulher violentada mostrou indignação e revolta e disse ter medo da proporção que esse fato tomou. A Justiça garantiu que ela terá todo o suporte e proteção necessários.

A expectativa é de que a mulher e o marido prestem depoimento ainda nesta semana, para esclarecer o que aconteceu antes, durante e após o parto.

Giovanne Quintella Bezerra foi preso em flagrante na madrugada desta segunda-feira (11) pelo crime de estupro de vulnerável. Ele segue preso no complexo Bangu Oito e está em uma cela especial, já que possui diploma de ensino superior.

#EstaManhãNaCultura

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.