O chefe da agência russa Roscosmos Yuri Borisov, em reunião com o presidente russo Vladimir Putin, disse que os compromissos já assumidos na estação espacial internacional serão cumpridos até o fim.

Borisov também apresentou o desenho da nova estação da Rússia que será colocada em órbita.

Com a saída do país, a Nasa deve fazer parcerias com empresas privadas para continuar a tocar os trabalhos até que a ISS seja desativada ou alugada para empresários como Elon Musk e Jeff Bezos, que investem no turismo espacial.

#JTCultura #JornalDaTarde

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.