A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) vai liberar a partir de quinta-feira (4) a ativação do sinal 5G puro na cidade de São Paulo capital, informou ao g1 o conselheiro Moisés Moreira, responsável pelo tema.

Com isso, São Paulo será a quinta cidade do país a contar com o 5G puro , chamado tecnicamente de "standalone. O que faz o 5G ser considerado puro é o fato de operar na faixa de 3,5 gigahertz, que oferece a maior velocidade e a menor taxa de latência (tempo de resposta).

Em julho, o sinal do 5G puro foi ativado em Brasília (DF), Belo Horizonte (MG), João Pessoa (PB) e Porto Alegre (RS).

Uma reunião extraordinária do Gaispi, grupo criado pela Anatel para cuidar da implantação da internet 5 na faixa de 3,5 GHz, foi convocada para terça-feira (2) para formalizar a autorização.

Cabe à Anatel liberar a ativação do sinal do 5G. Com a autorização, as operadoras Claro, TIM e Vivo podem oferecer o serviço aos seus clientes.

Para a Anatel dar a autorização, é necessário que a Siga Antenado, entidade criada pelas operadoras Claro, TIM e Vivo, vencedoras da faixa de 3,5GHz do leilão do 5G, conclua:

Três capitais começam a utilizar a tecnologia 5G nesta sexta feira

Três capitais começam a utilizar a tecnologia 5G nesta sexta-feira

Após a conclusão, testes são feitos e, caso não haja interferências, a Anatel dá o sinal positivo para ativação do 5G. Em São Paulo, informou o conselheiro Moisés Moreira, os testes já foram concluídos com sucesso.

"Tudo concluído, instalação de filtros, testes, tudo certo, senão eu não marcaria a extraordinária para aprovar São Paulo", afirmou Moreira.

Newsletter G1 Created with Sketch.

O que aconteceu hoje, diretamente no seu e-mail

As notícias que você não pode perder diretamente no seu e-mail. Para se inscrever, entre ou crie uma Conta Globo gratuita.

Obrigado!

Você acaba de se inscrever na newsletter Resumo do dia.